in Podcast

Themyscira 16 – Arraiá das deusas

Está no ar o décimo sexto episódio de Themyscira. Hoje, em ritmo de forró, comendo canjica e tomando quentão, Ártemis, Afrodite e Atena comemoram o arraiá das deusas. E a convidada da nossa festa foi a Isabela Cabral, a maior forrozeira da podosfera! Tá esperando o que? Traga seu milho verde e caia com a gnt nessa festa danada de boa!

Confira abaixo nossas fotos de São João citadas no post e mande a sua pro nosso email. Contem também suas histórias de festas juninas! Comentaí, sô!!!!

Nosso email: ilhathemyscira@gmail.com

Fotos:

Qual dessas será a deusa Afrodite?
Deusa Atena na quadrilha

Deusa Ártemis no São João

Isabela Cabral de matinho

Twitter: @ilhathemyscira – Follow us!

Feed: http://feeds.feedburner.com/podthemyscira

Seja nosso amiguinho no MeuPodcast: http://www.meupodcast.com/group/themyscira

Curta nossa Fã Page no facebook!

Reproduzir
  1. Ola garotas… Acabei de ouvir o podcast.
    Essas festas juninas são bem legais, gosto muito das comidas típicas que são preparadas nesse mês, mas o maior problemas que eu tenho com essas festas é porque aqui na minha cidade o pessoa fazem muitas fogueiras, aí a cidade fica tomada por fumaça, e os garotos de não param de soltar bombas, na rua parece um tiroteio.
    Aqui, no parque de Exposições da cidade acontece o festival de quadrilhas, mas eu nunca fui ver. Só por preguiça de ir até lá mesmo.
    Finalizando, o podcast ficou bem divertido. Abraços a todas.

  2. Eita, Samuel! Tava sumido, hein? =)

    Obrigada por comentar e sou solidária à sua tristeza!

    =*

  3. Parabéns por mais um cast, Deusas. A qualidade de audio vem melhorado, mas precisa melhorar mais um pouco.
    O desenvolvimento da pauta do cast ficou bem interessante e a participação da Isabela Cabral como contraponto foi uma ótima opção.
    Pelo menos aqui no sul, as festas de junho e julho até que sao populares, mas nao sao O EVENTO do ano. Por causa do clima mais frio, o que me atrai nessas festas é basicamente a culinária. hahahahah

    Quanto a historia das cartas e do amor platonico, enviarei um e-mail explicando essa longa e complicada história.

    Continuem no rumo.

  4. Obrigada Maruo! Fico muito feliz com seus comentários!

    Ficamos muito curiosas sobre essa história! hahaha!

    bjooos

  5. Parabéns pelo cast deusas, mais um episódio divertido para nos esbaldarmos com as presenças femininas da podosfera! (-: A época de festa junina para mim tem vários sentidos e sentimentos, quando ainda estava no colégio eu participava das quadrilhas que tinham todos os anos e tal. Mas o sentimento que mais me desperta nessa época é a saudade… antes de eu, meus pais e meu irmão nos mudarmos de Recife para Brasília, meu avô (que morava em uma fazendo no interior da Paraíba, numa cidadezinha chamada Soledade) fazia uma fogueira enooorme na época de São João, e não há maneira nenhuma de não lembrar dele nessa época, (além do que, quando ele morreu, era semana de São João). Essa lembrança não me trás tristeza, pelo contrário, me trás felicidade de lembrar de alguém tão importante para a minha vida, que acolheu a minha família quando mais precisamos e que sempre esteve presente, seja para me ensinar a dirigir (quando ainda não tinha idade para ir à auto-escola) ou mesmo me ensinar a cozinhar [mesmo sendo um homem criado no interior, não tinha preconceito quanto à homens que cozinham, tanto que hoje, eu e meu irmão é que cozinhamos aqui em casa, as vezes até mais que minha mãe].
    Ficou muito longo esse comentário, e talvez até muito embaralhado, obrigado por terem me feito lembrar de momentos tão bons da minha vida, um xêro, André “Dallas” Ferreira.

Comments are closed.